quarta-feira, 9 de janeiro de 2008

HISTÓRIA DO MÊS (NOVEMBRO/DEZEMBRO)

A nossa biblioteca e o Juvinal (o jornal da escola) estão a promover um passatempo que visa estimular o texto criativo. Falamos da “História do Mês”, onde se pretende que os alunos continuem uma história, a partir de um início que lhes é proposto. Na edição de Novembro/Dezembro da “História do Mês” a participação não foi ainda muito notada, pelo que se apela a uma adesão maior, já em Janeiro/Fevereiro. Os alunos já podem recolher na biblioteca a tira de papel com o início da história que, desta vez, é proposto.

O Cata Letras dá os parabéns aos vencedores da primeira edição, Inês Simões (5ºB) e Daniel Neves (5ºC), e aproveita para publicar uma das histórias premiadas:

Visita ao Novo Planeta

Era uma vez um planeta muito pequenino, castanho e amarelo, que ficava escondido atrás de um outro muito esquisito, onde os homens ainda não tinham chegado.
Nesse planeta existia uma grande quantidade de pedras e também muito ouro e muito cobre.
Como esse planeta nunca tinha sido visitado, um grupo de astronautas, chamados “Marinheiros Galácticos”, decidiu fazer aí uma visita.
Os astronautas prepararam, então, o material necessário para a viagem: o foguetão, os fatos, as botijas de ar e tudo o mais de que precisavam.
Ansiosos por viajar, vestiram logo os seus fatos de astronauta.
No dia seguinte, quando acordaram, lembraram-se de um pormenor: dar um nome apropriado ao planeta.
Pensaram, pensaram até que surgiu um nome que ficou para a História: Sedna, o Planeta Rico.
Chegou, finalmente, o dia da partida e lá se prepararam para entrar no foguetão.
Começaram, nesse instante, a fazer a contagem decrescente a partir de 15. 15…14…13…12…11…10…9…8…7…6…5…4…3…2…1…0…Paaartida!
Arrancaram para o espaço e, passadas algumas horas, receberam uma mensagem perguntando-lhes se estavam todos bem.
Os astronautas responderam que sim, que estavam todos bem e conscientes.
Passaram mais cinco horas e chegaram ao Planeta Sedna.
Ficaram todos impressionados com este planeta rico e pegaram nos sacos para apanhar ouro e cobre.
Passada uma hora e meia, as botijas de ar começaram a ficar vazias e os astronautas tiveram que regressar, de imediato, à base.
Estavam todos já no foguetão e fez-se logo a chamada, arrancando para a Terra.
No dia seguinte, estavam nos jornais, revistas e televisão, fotografias e filmagens que tinham feito durante a visita ao novo planeta.
E com tudo isto, tanto o novo Planeta Sedna como os “Marinheiros Galácticos” se tornaram famosos, para sempre!


Daniel Neves – Nº 8 – 5º C

2 comentários:

Anónimo disse...

Eu acho k as hastórias fcam mt giras

SANDRO ROSA disse...

EU ACHO QUE ESTE TEXTO ESTÁ BEM ELABORADO OS MEUS PARABENS.

SANDRO ROSA N:21 5ºC