terça-feira, 11 de março de 2008

UMA VIAGEM ESPECIAL

O Cata Letras recebeu mais uma história muito bem elaborada, desta vez enviada por um aluno do primeiro ciclo do Entroncamento. É uma grande satisfação constatar que o Cata Letras vai entrando gradualmente nos hábitos dos nossos alunos, principalmente daqueles que gostam de ler e de escrever. Aproveitamos, aliás, para pedir que, durante a interrupção de actividades lectivas que se avizinha, os nossos leitores/colaboradores dediquem alguns minutos do seu tempo à imaginação e à criação. Cá aguardaremos as vossas participações. Por enquanto, acompanhem-nos nesta viagem espacial (e especial), a bordo da nave GX3L, muito bem conduzida pelo João Pereira:

A bordo de um vaivém

- Bem-vindos a bordo! Eu sou o astronauta João e a minha nave é a GX3L, onde vou ser lançado para o espaço numa missão, que é tentar alcançar Sedna.
A GX3L tem uma protecção anti-meteoritos, tem vinte e cinco computadores onde eu e os meus amigos podemos verificar a rota, os compartimentos…
A GX3L tem cápsulas de emergência, um sistema de armazenamento de alimentos, já para não falar como ela está equipada: um spa onde podemos relaxar e também um alarme.
No dia em que fomos lançados, quando já estávamos no espaço, descansando, de repente o alarme soou. Todos fomos ver, era um buraco negro.
Tentámos afastar-nos dele, mas não resultou. Tínhamos sido sugados por ele.
Mesmo no último instante abri os olhos e tinha visto que não tínhamos morrido, mas sim ido para outra galáxia.
Ficámos espantados. Aquela galáxia tinha estradas que ligavam diversos mundos entre si e extraterrestres, que tinham uma fonte de luz junto deles.
Esfregámos os olhos e eu disse:
- Como saímos nós desta galáxia?
- Amigos, aqui existem muitos mistérios por desvendar, não?!... - disse o meu companheiro.
- O que é aquela fonte de luz?
- Porque a utilizam?
- Como é que sobrevivem? E muito mais, para além do que vimos! - Disse eu.
- Saímos da nave e perguntámos a um extraterrestre, onde podíamos comprar um carro, e ele disse:
- Brrlpqldxzsrabcefgihlk !...
- Desculpe?!...
- Brrlpqldxzsrabcefgihlk !...
- Sim, muito obrigado…
- Jinknpiniquitidgsszx!!!...
Depois de comprarmos o carro, começámos a conhecer o local e fomos pesquisando, até que encontrámos um livro escondido que nenhum extraterrestre sabia existir.
Começámos a tentar decifrar o que estava escrito, e conseguimos!
Dizia o seguinte:
- A nossa estrela permite-nos passar de galáxia em galáxia e também é a nossa fonte de energia.
- Pára! - Disse eu.
- Recapitulando, se tivermos uma estrela podemos passar para Terra.
- E Sedna?! – Perguntaram-me.
- Temos muitos conhecimentos.
- Sedna fica para a próxima.
O malandro do Daniel (um dos meus companheiros) roubou uma estrela e conseguimos regressar.
- Quando chegámos ao Planeta Terra, fizeram-nos perguntas, mas nós não contámos nada do descoberto deixando as galáxias em paz.


João Carlos Carvalho Pereira - EB1 do Entroncamento – 4º ano

3 comentários:

Anónimo disse...

João,

Gostei muito da tua história, pois revela que tens imaginação! Quem sabe se um dia não serás o primeiro astronauta português...
A tua história fez-nos sentir que esta "aventura" de criar uma nova biblioteca valeu a pena... Está a ser melhor que qualquer viagem espacial!

Em nome da equipa da biblioteca,

Ana Cruz

maria disse...

Olá João:

Achei a tua História cheia de imaginação e muito bem estruturada...
Acho que além de poderes ser um astronauta, ainda serás um belo escritor!
Continua a trabalhar só assim poderás ser brilhante...

Professora na EB1 de Arrifana

Lurdes Trindade

toto disse...

ho scoperto questo blog,
molto curato e interessante, tornerò a visitarlo...
saluti dall'Italia a Coimbra

toto